Quem é Elena? Quem é Petra?

por: Silas Mendes/Kadu SilvaCcine10 – 30/5/2013

Quem é Elena?

Elena. Uma jovem que viaja para Nova Iorque com o mesmo sonho que sua mãe, para se tornar uma atriz de cinema. Ela deixa para trás sua infância passada na clandestinidade durante os anos da ditadura militar. Ela deixa também Petra, sua irmã de sete anos de idade. Duas décadas depois, Petra também se torna uma atriz e vai para Nova Iorque a procura de Elena.

Falar de Elena – o filme – é algo muito difícil e incomodo. Toda linha que escrevo sobre ele parece ser insuficiente para definir “sobre o que fala” o documentário e tentar me focar na parte técnica parece ser um desrespeito a uma história tão profunda e sensível, mas é um ponto que merece ser mencionado, pois é justamente em “como” Elena nos é apresentado que está grande parte de sua força, um belo encontro entre forma e conteúdo.

Com uma linda trilha sonora que mistura diversos tons – muitos nostálgicos e relativamente melancólicos – Petra costura filmagens recentes feitas por ela em São Paulo, Bahia e Nova Iorque, vídeos feitos por Elena quando com 13 anos a sua própria voz como narradora, colocando-se como personagem e documentarista.

Memórias em forma e conteúdo.

Elena é um mergulhar em memórias. É se aprofundar em puro sentimento. Dor. Saudade. É uma procura de si na procura de um outro alguém. É um revisitar de memórias dolorosas para justamente impedi-las de continuar assim.

Quem é Elena? Quem é Petra?

Tire 80 minutos e vá ao cinema mais próximo que esteja exibindo Elena, mesmo que você não sinta tanto a história, será com certeza uma boa experiência audiovisual.

Índice

(345 artigos)